c

Um exemplar do Novo Testamento foi encontrado intacto em um dos quartos que foi totalmente destruído pelo incêndio que se espalhou pelo segundo andar do Hotel Nacional na última segunda-feira (10), em Campo Grande (MS).

Segundo informações passadas pelo tenente Eduardo Tracz, do Corpo de Bombeiros, o livro estava dentro da gaveta de um criado mudo.

Oportunidade

Apesar do susto, ninguém ficou ferido e as causas do incêndio ainda estão sendo investigadas. Mas um experiente evangelista está vendo neste fato uma boa oportunidade de comprovar o poder da mensagem que tem levado a diversos tipos de estabelecimentos há cinco anos.

O militar aposentado José dos Santos, de 73 anos, faz parte do ministério dos Gideões Internacionais e se acorda cedo todos os dias para distribuir Bíblias em hotéis, motéis, escolas, hospitais, entre tantos outros lugares. Ele tem citado esta notícia como prova de que a Escritura Sagrada é inabalável.

“Ela não queima porque a palavra de Deus não se perde fácil. Se ela tivesse sido destruída, não seria verdadeira”, afirmou.

Para o sr. José, a repercussão da notícia também reforça a esperança em meio ao caos e a tristeza dos funcionários que olham para os estilhaços que sobraram do incêndio.

“Eu espero que isso não tire a fé dessas pessoas”, disse.

Apesar de ter sua mensagem rejeitada por algumas pessoas, o Gideão não desanima, porque sabe que a Palavra jamais volta vazia.

“Os muçulmanos falam que essa Bíblia não resolve nada e outros simplesmente não aceitam”, lembrou, acrescentando que outros recusam o presente, afirmando que “já têm” o livro sagrado.

Incansável como é de costume entre os Gideões, José garante que somente no ano passado, entregou 8 mil livros pela cidade.

“E a caminhada continua, mesmo alguns dizendo não e falando que isso não resolve nada, eu continuo porque acredito que a palavra dele não se desfaz. Porque quando não há ajuda do ser humano, temos Deus”, afirmou.

© 2018-2019 ADSM

Siga nos: